Prepare Agora para Tempos Difíceis

Seu cônjuge perdeu o emprego. Sua família está agora apenas com uma fonte de renda, ou nenhuma. As contas estão se empilhando e você sente um pânico ao pensar no futuro. Isto está acontecendo com pelo menos 8,2% dos cidadãos dos Estados Unidos, de acordo com o Departamento de Estatísticas do Trabalho, no relatório de março de 2012, e não parece haver alívio em vista.
Programa de Bem-Estar MórmonEntão, o que fazer para sobreviver? Como membro de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, estar preparado para o pior tem sempre sido um bom conselho de nossos lideres da Igreja. Das palavras do Elder L. Tom Perry, como um dos membros do Quórum dos Doze Apóstolos, em outubro de 1995, em uma Conferência Geral de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias: “Testemunhamos diariamente uma inflação amplamente flutuante, guerras, conflitos internacionais, desastre nacionais, variações nas condições do tempo, inúmeras forças de imoralidade, crimes e violência; ataques e pressões sobre famílias e indivíduos; tecnologias avançadas que fazem com que algumas profissões se tornem obsoletas, e assim por diante. A necessidade por preparação é abundantemente clara. A grande benção de estar preparado nos livra do medo, como nos foi garantido pelo Senhor em Doutrina e Convênios: “se estiverdes preparados, não temereis” (Doutrina e Convênios 38:30).
É sempre recomendável, indiferente da situação: estar à frente de uma dificuldade econômica é a melhor preparação. Muitas famílias estão sofrendo com desemprego ou incapacitação, mas ainda assim existem algumas dicas que você pode usar para “amortecer os solavancos”.
Mantenha atento para mais empregos agora: é bom ter um plano de backup de renda, mesmo que seu emprego seja seguro. Mantenha seu currículo atualizado, incluindo manter atualizado em seu campo de atuação. Tire algum tempo para participar de seminários educacionais, pois isso vai lhe dar uma vantagem e mantê-lo a par de sua área de especialização. Existem muitos recursos online e através de rede de contatos, que podem ser boas ferramentas utilizadas para ajudar a manter um bom emprego ou a conseguir oportunidades melhores.
Decida agora a fazer uma economia financeira: ninguém realmente sabe o que é estar tão quebrado que não possa comprar alimentos até que aconteça com você. É incrivelmente debilitante sobre em tais desafios, portanto pense providente, você pode estar preparado se perder a sua renda. Faça economia com uma parte do seu dinheiro mensal para emergências. Às vezes isto requer sacrifício, mas é melhor sacrificar cortinas ou moveis novos agora do que ser pego sem dinheiro economizado para emergências no futuro.
Corte os gastos desnecessários: os Americanos são notórios por gastos excessivos. Pensamos que podemos cobrir estes gastos depois, mas de fato isto causa grande estresse. Viver dentro dos seus recursos mensais é algo muito sábio para todas as famílias. Quando comprar itens em uma loja, pense consigo: “Eu realmente preciso disto ou é algo que eu quero?” Se for necessário comprar no cartão de credito, sem ser capaz de pagar a fatura no fim do mês, então você realmente não precisa disto. Existe muito que falar sobre viver dentro das suas posses.
Mantenha uma atitude positiva! Este é um aspecto importante para sobrevivência. Nem tudo é desespero e melancolia. Podemos estar satisfeitos com o que temos e aproveitar a vida sem um monte de bem material. Somos muito abençoados por viver neste país, pois não temos ideia de como o resto do mundo vive. Leia sobre o mundo lá fora na internet para realmente começar a ter um grande apreço de como somos abençoados e você ficará mais contente com sua vida para continuar com sábios conselhos.
Se nós pudermos aprender a viver felizes com o que possuímos, a vida parecerá muito melhor. Acompanhando Jonas, que saiu muito tempo atrás, não é importante comprar o que os vizinhos compram. Se pudermos lembrar-nos destas palavras de sabedoria em nosso estado financeiro, podemos nos afastar da ruína e do desastre financeiro no futuro, pois “se estiverdes preparados, não temereis”.

Comentários