A Igreja de Jesus Cristo recebe a Bíblia do Pres. Joseph F. Smith, Após 100 anos.

Robert Jackson levou a preciosa Bíblia da sua família para o campo missionário quando jovem. Em sua primeira noite na missão, ele encontrou as anotações de seu bisavô, o Presidente Joseph F. Smith.
As marcações encontradas em 1 Pedro, capítulo 3 e 4, sugerem que essa Bíblia foi a que o Presidente Smith estava estudando durante o época em que recebeu a revelação conhecida como a Visão da Redenção dos Mortos, encontrada em Doutrina e Convênios 138.
Jackson enviou a Bíblia “de volta para minha mãe”.
Jackson e seus irmãos doaram a Bíblia para A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias no 100º aniversário da revelação.
Os oito irmãos reuniram-se com o Presidente M. Russell Ballard, do Quórum dos Doze Apóstolos, e Brandon Metcalf, arquivista do Departamento de História da Igreja no Edifício Administrativo da Igreja, no dia 10 de julho, onde entregaram a Bíblia à Igreja.
Os Jacksons são descendentes do Presidente Joseph F. Smith através de sua filha Rachel Smith e o Presidente Ballard é descendente do profeta através do filho do Presidente Joseph F. Smith, Hyrum Mack Smith.
A assinatura do Presidente Smith é encontrada na capa interna da Bíblia junto com a data de 1º de abril de 1913.
A família Jackson acredita que os versículos marcados em 1 Pedro 3 e 4 e outras passagens mencionadas na sessão 138 influenciaram o Presidente Smith a receber a revelação.
Steven Jackson, o irmão mais velho, disse que a doação também foi feita em comemoração ao centésimo aniversário do falecimento do Presidente Smith em novembro de 1918.

Uma época difícil

Brandon Metcalf disse que a revelação foi particularmente significativa por causo dos acontecimentos mundiais na época: a Primeira Guerra Mundial e uma epidemia de gripe. Cerca de 9 milhões de soldados, marinheiros, aviadores e 5 milhões de civis morreram na Primeira Guerra Mundia. Cerca de 25 e 50 milhões de pessoas morreram em seis meses durante a epidemia de influenza de 1918 há 1919.
Como a morte era notícia de primeira página todos os dias, o Presidente Smith estava pensando sobre o que acontecia com aqueles que morriam. Ele teve tempo para pensar sobre o assunto porque ficou basicamente de cama por vários meses antes dessa revelação.
“Naquele ano, ele perdeu seu filho Hyrum Mack Smith, um genro, Alonzo Pratt Kesler, e uma nora, Ida Bowman, então eu acho que a morte estava em sua mente”, disse Metcalf.
O Presidente Ballard explicou que Hyrum Mack e Ida eram seus avós e expressou sua gratidão à família Jackson por presentear “esta preciosa bíblia” à Igreja.

Um tesouro

“Que tesouro”, disse ele, falando com a família Jackson. “Quando você pensa em nosso avô, nosso bisavô, você percebe que ele foi um dos grandes profetas que já viveu, na minha opinião. Eu não conheço nenhum profeta nesta dispensação (…) que tenha ensinado o evangelho mais claramente que Joseph F. Smith”.
O Presidente Ballard acrescentou: “A Visão da Redenção dos Mortos é um grande acréscimo às nossas escrituras e revela mais claramente do que qualquer passagens encontradas nas escrituras, que Jesus Cristo ama todos os filhos e filhas de Deus e que Ele nos deu o caminho para voltar para casa.
Metcalf disse que a Bíblia será mantida nos cofres controlados pela temperatura e umidade da Biblioteca de História da Igreja. Ele também disse que a Bíblia parece ter sido manuseada muito ao longo dos anos e tem algumas páginas soltas, mas a costura ainda está intacta. O departamento de História da Igreja não fará muita restauração para preservar a Bíblia, embora eles consertem algumas das páginas soltas.
“Tentamos manter as coisas nas melhores condições de ambiente possíveis para preservar a vida de todos os materiais que coletamos aqui”, disse ele. “Acho que o mais significativa é ela nos conta uma grande história dos dias, dos eventos e até seja presumivelmente a exata bíblia que o Presidente Smith usou nos meses e anos em que recebeu a Seção 138 da Doutrina e Convênios “, disse Metcalf. “Agradecemos a família estar disposta a fazer a doação e confiar em nós. Estamos gratos por poder preservar isso agora para as gerações vindouras.”
Steven Jackson disse que, embora sua família tenha mantido a Bíblia por um longo tempo, havia “um sentimento geral na família” que eles deveriam doar a Bíblia para a Igreja no 100º aniversário da revelação. A família Jackson gostou da visita e da conversa com o Presidente Ballard, todos primos e familiares do Profeta Joseph F. Smith.

Comentários